Destaque Educação
Publicado em 05/03/2017 às 11:06 - Autor:

Professores aderem a paralisação nacional a partir do dia 15

58baaff871289488d56232e6c2a975ff218b13b170569

Em assembleia realizada na manhã desta sexta-feira (03), no SIMTED, trabalhadores/as em Educação de Dourados (MS) decidiram aderir à Greve Geral por tempo indeterminado, a partir do dia 15 de março.
A paralisação foi proposta pela CNTE (Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação) em indicativo de greve aprovado pelos educadores de todo o país no último dia 15 de janeiro.

O protesto é contra as reformas do governo de Michel Temer e seus aliados. Centrais sindicais de todo o país participam dessa mobilização contra a Reforma da Previdência e a proposta de Reforma Trabalhista.
Sindicatos de todo o país – reunindo diversas categorias como os/as bancários/as, trabalhadores/as dos Correios, trabalhadores/as das universidades entre outras – também devem paralisar as atividades reunindo forças na luta contra a retirada de direitos sociais e trabalhistas.

Os profissionais da Educação de Dourados (magistério e administrativo das redes Municipal e Estadual) entram em greve a partir do próximo dia 15, por tempo indeterminado, e já organizam uma agenda de atividades a serem realizadas antes e durante a paralisação.

Douradosagora

Comentários